Loading...

Como identificar o seu público-alvo

Como identificar o seu público-alvo

 

Ao invés de ler, que tal assistir? Aperte o play:

 

 

 

VIDEO

 

 

 

Se você se tem o perfil de proprietário que julga que seu produto ou serviço se encaixa para todas as pessoas, você está achando errado. Vários proprietários de pequenas empresas cometem esse erro.

 

 

Público-alvo é sobre um grupo específico de consumidores ou organizações que compartilham um perfil semelhante. Por isso, devem ser o foco das ações de marketing e vendas de uma loja virtual, uma vez que estão mais dispostos a adquirir os produtos que ela oferece.

 

 

Para escolher esse tipo de perfil, se faz uma série de pesquisas envolvendo diversos fatores para determinar quais são as características em comum desse grupo que irá ser o foco do seu negócio.

 

 

Esses fatores podem ser sobre o comportamento de compra, hábitos de consumo, classe social, dados demográficos, condição socioeconômica, uso das redes sociais, faixa etária, preferências de produto, entre muitas outras possibilidades.

 

 

Caso você não queira definir o seu público, você será menos eficiente e simplesmente gastará mais recursos que o necessário, e consequentemente, com baixo ROI (Retorno sobre o Investimento).

 

 

O importante é que quanto maior e mais completo foi o número de informações, mais chance da sua loja virtual manter um bom relacionamento com o cliente. E com base nesses dados, você pode criar a sua persona.

 

O QUE É UMA PERSONA?

 

Persona, ou buyer persona, é um perfil semificcional que representa o seu cliente ideal, criado para ajudar seu negócio a compreender melhor quem é o cliente e do que ele precisa.

 

Portanto, uma persona é uma personagem criada para ajudar sua empresa a compreender melhor como é o seu cliente.

QUAL É A DIFERENÇA DE PÚBLICO-ALVO E PERSONA?

 

A principal diferença entre persona e público-alvo é que a definição de público-alvo é muito mais ampla e não fala sobre hábitos e características de uma pessoa específica.



Para que essa estratégia seja precisa, a sua persona deve ser tão real quanto uma pessoa de verdade. Um público-alvo não fornece informações, dados e conhecimentos suficientes para que uma boa estratégia de Marketing Digital seja criada, por exemplo.

 

 



DEFININDO SEU PÚBLICO-ALVO  E ENTREGANDO SUA MENSAGEM

 

 

 

  • Determine o perfil demográfico

 

 

Quem precisa do seu produto? Homens ou mulheres? Idosos, jovens ou crianças? Qual o nível econômico, educacional e social? Quais são os interesses deles?



Assim que você ramificar essas informações, fica mais fácil pensar e organizar a sua estratégia de marketing, já que esse tipo de perfil demográfico está mais propenso a comprar na sua loja.

 

 

 

 

  • Determine as necessidades

 

 

Dentro do contexto e do nicho que a sua loja está inserida, você precisa definir quais são as necessidades desse perfil de pessoas, ou seja, qual problema desse público, o seu produto/serviço é capaz de solucionar?



Se colocando no lugar deles e pensando nas possíveis perguntas, a sua mensagem de marketing já terá embasamento suficiente para convencer esse público a ficar.

 

 

 

 

  • Determine como eles vão aprender

 

 

De acordo com o que você definiu na dica 1, você vai ver se o seu público está mais propenso a tecnologia, se é da geração Y ou Z, se prefere ligações, e-mails ou mensagens instantâneas.



Em outro modo de dizer, você precisa ver que tipo de meios de comunicação eles consumem para você estar presente também, e mandar a sua mensagem de forma que não vá causar estranhamento ou rejeição.

 

 

 

 

  • Smartphones é a nova onda de qualquer público

 

 

Qualquer pesquisa que você parar para ler, os celulares já ultrapassaram algum outro dispositivo que, um dia, já foram uma revolução tecnológica. Mas isso não significa que sejam menos eficientes.



Independente do tipo de marketing que você utilizar (o tradicional ou digital), não esqueça de fazer um especial para aparecer nos celulares do seu público.

 

 

 

  1. Redes Sociais

 

Publique seu conteúdo nas redes sociais em que seu público está presente. Não perca sem tempo investindo em uma rede onde o seu público não vai estar inserido, você só vai estar acertando o próprio pé.



Abaixo está a pesquisa da Business Insider e do LinkedIn, que identificaram o perfil de cada rede social:

 

Facebook 1,32 bilhões de usuários, de ambos os sexos, entre as idades de 18 a 54 anos, e interessados em bens de consumo. É muito usado para mostrar o lado mais humano das empresas, respondendo seus usuários de uma forma que não é robótica e automática.
Instagram 200 milhões de usuários, principalmente do sexo feminino, entre as idades de 18 a 29 anos, e interessados em roupas, acessórios e temas relacionados com entretenimento. Como o Pinterest, muito bom para o marketing visual e brincar com as postagens no feed.
Twitter 271 milhões de usuários, principalmente do sexo masculino, entre as idades de 18 a 29 anos, e estão interessados em obter as suas notícias, fofocas e fatos por meio desta rede.
LinkedIn 300 milhões de usuários, de ambos os sexos, entre as idades de 30 a 64 anos, e são profissionais altamente educados com bons rendimentos. O LinkedIn é bom para mostrar a forma como a sua empresa se mostra as novidades de mercado, se está atualizada de tudo que acontece.
Pinterest 70 milhões de usuários, principalmente do sexo feminino, entre as idades de 18 a 49 anos, e interessados em conteúdo relacionado a alimentação, família, pais, arte, roupas, cuidados e higiene, etc. Plataforma eficaz para produtos, posts e serviços com apelo visual, igual o Instagram.

 

 

 

  1. Networking

 

Incentive você e a sua equipe em um networking social para a expansão dos seus negócios, e não só o pessoal de marketing, pois todos que estão com você e gostam de estar no seu ambiante, possuem uma voz de audiência. Se eles acreditam no produto e no potencial da loja virtual, eles vão divulgar.

 

 

 

  1. Co-marketing

 

Faça co-marketing com marcas semelhantes. Faça algumas pesquisas para encontrar lojas que compartilham o seu público. Você pode publicar conteúdo de outro blog no seu e vice-versa, compartilhar postagens de mídias sociais, criar concursos culturais juntos e oferecer cupons de descontos especiais para os clientes do outro.

 

 

 

 

Agora que você já sabe como identificar o seu público, está na hora de repensar em algumas estratégias. Coloque a mão na massa e pegue a sua fatia de mercado!